Home > Botânica > Taxonomia Vegetal > Grupo das Angiospermas  
  Botânica
  Fotos
  Manuais
  Especiais
 

Grupo das Angiospermas

São plantas vasculares com sementes, com flores e com frutos.

Planta manaca-da-serra (Tibouchina mutabilis), uma típica angiosperma, que apresenta flores, frutos e sementes. Foto: Silvia Schaefer

 

As flores são amplamente reconhecidas pela sua beleza, perfume e colorido. Diferentes dos estróbilos (pinhas) das gimnospermas, que são lenhosas, as flores verdadeiras presentes nas angiospermas utilizam seu colorido e perfume para atrair polinizadores e otimizar a polinização e posterior fecundação.

A característica diferencial deste grupo é a preseça de sementes inseridas dentro de frutos. Isto é possível, pois os óvulos se desenvolvem dentro do ovário da flor. Após a fecundação, o ovário originará o fruto e o óvulo originará a semente.

A flor tem um papel evolutivo fundamental para este grupo. Seu colorido, perfume e néctar, atraem os mais variados agentes polinizadores, como insetos, pássaros, morcegos e o próprio ser humano. Estes agentes se alimentam do néctar e do próprio pólen e, em troca, levam os grãos de pólen de uma flor para outra, favorecendo a fecundação entre plantas de diferentes materiais genéticos, gerando variabilidade genética entre os indivíduos de cada espécie.

Polinização pela abelha Apis mellifera (entomofilia) e uma flor do gênero Emilia, família Asteraceae. Foto: Silvia Schaefer

 

O fruto significa para as angiospermas a possibilidade de proteção da semente e dispersão das mesmas para locais distantes da planta mãe, fator fundamental para a diminuição da competição entre indivíduos com o mesmo material genético.

A maioria dos frutos servem como alimento para animais, que digerem estes frutos e liberam as sementes em suas fezes. Estas, por sua vez, germinam e originam novas plantas.

As Angiospermas constituem o maior grupo de plantas atualmente vivente, ocorrendo praticamente em todos os biótopos do planeta, predominando na maioria das comunidades vegetais. Estima-se que existam cerca de 250.000 - 300.000 espécies distribuídas em aproximadamente 10.000 gêneros e 300 famílias.

As angiospermas são todas as plantas da Divisão ANTHOPHYTA ou MAGNOLIOPHYTA

São divididas em duas classes, de acordo com o número de cotilédones em suas sementes:

Classe Dicotyledonae (MAGNOLIOPSIDA): as dicotiledôneas

Classe Monocotyledonae (LILLIOPSIDA): as monocotiledôneas


 

   Termos de uso | Links | A equipe | Contato | |