Home > Botânica > Taxonomia Vegetal > Reino Plantae > Plantas vasculares sem sementes > Divisão Pterophyta  
  Botânica
  Fotos
  Manuais
  Especiais
 

Divisão Pterophyta

São as samambaias e avencas.

Imagem de uma samambaia, divisão Pterophyta. Foto: Silvia Schaefer

 

Avenca e samambaia com soros. Foto: Silvia Schaefer

 

- Plantas abundantes desde o Período Carbonífero (Era Paleozóica) até os dias de hoje. É o segundo maior grupo de plantas, com 11000 espécies, perdendo apenas para as plantas com flores.
- ¾ das espécies são encontradas nos trópicos. Destas, cerca de 1/3 são epífitas.
- Existem também as espécies arboriformes, como o xaxim, podendo atingir 24m de altura, com folhas de mais de 5m. Apesar disso, os tecidos vegetais são inteiramente de origem primária.

Xaxim. Uma Pteridófita, também conhecida como samambaiaçú. Espécie: Dicksonia sellowiana, da família Dicksoniaceae. Foto: Silvia Schaefer


- Em geral homosporadas. Heterósporos ocorrem apenas nas aquáticas.
- O caule, em geral, é um rizoma subterrâneo, exceto em espécies eretas.
- As raízes se formam na porção inferior de um caule aéreo ou na superfície inferior do rizoma.
- As folhas (megáfilos) são chamadas de fronde e apresentam pecíolo e lâmina, que pode ser inteira ou pinada. A continuação do pecíolo na lâmina é chamada de raque; fixadas à raque e mais ou menos opostas umas às outras, estão pares de folhas chamadas pinas. As frondes jovens são chamadas de báculos e expandem-se por desenrolamento.
- esporófilos apresentam na face abaxial, pequenos pontos escuros chamados soros, que são reuniões de esporângios. Estes podem ou não estar protegidos por uma película chamada indúsio.

Soros de uma pteridófita, na face abaxial da folha. Soros são agrupamentos de esporângios, estruturas formadoras de esporos. Foto: Silvia Schaefer

 

 

   Termos de uso | Links | A equipe | Contato | |